Digital signage como canal de comunicação em empresas

Você sabe estimar quanto a sua empresa perde diariamente por falhas na comunicação, sejam elas internas ou externas?

Muitas vezes não temos esses dados claros e subestimamos o poder da comunicação para os resultados de um negócio.

Em um mundo altamente competitivo, quem deseja se destacar e alcançar o sucesso precisa contar com uma comunicação eficiente.

Nesse aspecto, o digital signage surge como uma solução que garante uma comunicação mais clara e assertiva, que evita ruídos.

Digital signage, em português sinalização digital, é um canal de comunicação que utiliza a tecnologia para se relacionar com o público almejado onde ele se encontra, seja no local de trabalho, no deslocamento ou no lazer.

Ou seja, sua estratégia é a transmissão de informações para o público que está fora de casa (em inglês: out of home).

Mas, como funciona?

Você pode nunca ter ouvido falar em digital signage, mas você já deve ter se deparado com ele em seu dia a dia.

Nas ruas, no metrô, em lojas, restaurantes, aeroportos, shoppings, hospitais, escolas, elevadores etc.

Isso porque você deve ter visto, em alguns destes locais, uma tela que transmite conteúdos, desde notícias sobre temas diversos, publicidade ou avisos institucionais, por exemplo.

A exibição dessas mídias, em telas digitais e/ou painéis de LED, é gerenciada por meio de um software, que distribui os conteúdos de modo programado e segmentado via internet.

Podendo ser vídeos, imagens, gif ou texto, sempre dinâmico e atualizado.

Digital signage como solução para a comunicação de sua empresa

A sua empresa necessita reforçar um procedimento de segurança junto aos seus funcionários?

Transmita a mensagem em telas distribuídas em locais estratégicos, como vestiários e elevadores de serviço, por meio da solução de TV Corporativa ou Mural digital.

Importante mencionar que o conteúdo deve ser elaborado de modo dinâmico e ilustrado para atrair a atenção dos colaboradores e reforçar a mensagem a ser transmitida.

E essas não são as únicas opções.

Você pode utilizar a tecnologia, também, com o objetivo de se comunicar com clientes externos.

Por exemplo, implantar um painel de LED na fachada do prédio ou uma vitrine digital, para veicular informativos e dados relevantes para as pessoas que circulam próximo à empresa.

Instalar telas, totens digitais e painéis de LED indoor em pontos de atendimento ao cliente, facilitando a comunicação com ele ao exibir informações sobre produtos e ofertas, comunicados, destaques da empresa, entre outros.

Com a solução, sua empresa será capaz de padronizar e personalizar a comunicação de acordo com seus objetivos.

E o melhor: sem que haja distorções e perdas no caminho até o receptor!

Em um mercado competitivo, contar com uma comunicação clara e efetiva é um diferencial fundamental.

Quando a mensagem é bem formulada e transmitida de forma assertiva, seu negócio só tem a ganhar.

A IFS é especialista em serviços de digital signage, da consultoria à instalação de telas e painéis de LED, do monitoramento ao suporte local.

Deseja implantar em sua empresa?

Fale conosco.

Referência: Inviron.

Vantagens da instalação do menu board digital

Se antes a forma de se comunicar com o público era exclusivamente off-line, a partir de panfletos e cartazes, por exemplo, atualmente percebemos uma mudança significativa neste panorama.

Principalmente ao considerarmos os fatores da pandemia que estamos enfrentando, ocasionada pelo Coronavírus, em que a contaminação pode se dar com um simples contato a um cardápio físico.

Nesse sentido, além do fato do menu board digital ser uma proposta mais benéfica, no que tange o vírus, ao longo do artigo abordaremos outras vantagens deste canal DOOH em redes de fast food, restaurantes, lanchonetes e bares. Confira!

Economia a longo prazo

São muitos os empreendimentos que usam esta tecnologia. Essa é a prova de sua eficiência e da capacidade de gerar resultados satisfatórios.

O cardápio digital é um investimento que, a médio e longo prazo, vai diminuir consideravelmente os custos com impressões de cardápios e flyers, bem como gráficas.

Outro benefício, que gera economia, é a longa durabilidade dos equipamentos, não há necessidade de substituição frequente, principalmente quando se utiliza monitores profissionais.

Logo, os recursos economizados podem ser direcionados para a compra de materiais, contratação de funcionários, promoções e várias outras ações que podem ser favoráveis para o seu negócio.

Atração e interação

Um ponto muito positivo é a possibilidade do cliente fazer o pedido de forma simples e rápida, ao facilitar a visualização das opções de produtos e preços.

Além de auxiliar no rápido atendimento, a ferramenta ajuda na redução das filas, já que os consumidores não vão precisar ficar folheando um cardápio e procurando opções.

E, de fato, o atendimento rápido faz com que as pessoas se sintam mais satisfeitas e queiram retornar ao local.

Ademais, também dispõe da função de entreter os clientes enquanto esperam na fila ou na mesa, ao apresentar conteúdos que os atraiam, como combinação de pratos, sugestão do chef etc.

Gestão on-line de conteúdos 

Ao contrário de painéis com imagens estáticas que, com o tempo, ficam desgastadas ou ultrapassadas, o menu board digital possibilita a utilização de conteúdos dinâmicos, elevando a atração dos clientes.

Isso porque o software de gestão de conteúdos permite a inserção de imagens, vídeos e mensagens, de modo remoto e on-line.

Adicionalmente, existe a possibilidade de transmitir conteúdos informativos, como as procedências dos alimentos oferecidos, modo de preparo, dados nutricionais, entre outros.

Como implantar?

Comumente, o menu board é composto por um video wall, isto é, várias telas unidas que formam um grande painel.

Esse formato permite a utilização das telas individuais e/ou sincronizadas. 

Portanto, você pode utilizar algumas telas para apresentar as opções do cardápio, outra para sugestão do chef, a seguinte para falar sobre informações nutricionais e em alguns momentos uni-las para exibir um único conteúdo.

Para a instalação deste canal, são necessários alguns fatores, como:

  1. Entendimento do espaço para a instalação, elétrica e lógica;
  2. Monitores profissionais;
  3. PC player;
  4. Internet;
  5. Software para gestão de conteúdos;

Além de dispor de consultores que entendem as necessidades específicas de cada projeto, a IFS conta com uma equipe especialista em instalação de menu board, com mais de 14 anos de experiência em field service e diversos cases no portfólio.

Fale com nossos consultores e solicite um orçamento.

Benefícios da vitrine digital

vitrine digital é um tipo de digital signage em que displays eletrônicos são aplicados em fachadas ou em pontos estratégicos de estabelecimentos varejistas.

O conceito de vitrine digital é utilizar painéis de LED, monitores, ou ainda, uma combinação dos dois, com artes que, geralmente, estão em movimento e são atualizadas de forma periódica. 

O conteúdo da vitrine é personalizado de acordo com os objetivos dos varejistas. As imagens podem ser simples ou até mesmo interativas para que o público possa, de certa forma, participar da programação, como, por exemplo, com o uso de QR codes.

Esta solução é usada para campanhas de publicidade e marketing que possuem como principal objetivo a construção de uma comunicação com o público e, consequentemente, atrair e fidelizar mais clientes.

É importante ressaltar que a vitrine digital é dinâmica e permite que o conteúdo seja composto por vídeos, fotos promocionais, animações etc.

A seguir, confira os benefícios de investir na vitrine digital:

  1. Moderniza o espaço e valoriza os produtos

Ao usar a vitrine digital o estabelecimento abandona o modo tradicional de se fazer campanhas publicitárias a partir de impressões em papel que, além de ser um custo maior em relação ao digital, não consegue captar o engajamento do público com o mesmo vigor que os displays.

As telas deixam o espaço moderno e valorizam os produtos oferecidos, já que as imagens são dinâmicas ao ponto de chamar a atenção do público, fazendo com que ele receba a mensagem que a empresa deseja transmitir.

  1. Destaca-se perante a concorrência

Como falamos no tópico anterior, certamente que uma mídia de sinalização digital vai chamar mais atenção do público do que uma campanha estática.

Uma pesquisa feita pelo FedEx revelou que 79% das pessoas consultadas afirmaram se lembrar de mensagens que visualizaram em painéis digitais.

Assim, investir na vitrine digital é um modo de dar destaque ao seu negócio, não apenas entre os clientes, mas também em relação às empresas concorrentes.

  1. Gatilhos mentais para persuasão do cliente

O marketing de vendas é cheio de gatilhos mentais usados justamente para que o cliente seja persuadido a adquirir um produto ou serviço.

Para se ter uma ideia, uma pesquisa realizada pela VCA Global revelou que as lojas que aderiram às telas de digital signage tiveram um aumento de cerca de 31,8% nas vendas.

  1. Investimento em longo prazo

Com o uso da vitrine digital a empresa passa a economizar em campanhas impressas, já que a programação exibida pode ser feita de forma rápida.

Desse modo, esta sinalização digital é vista como um investimento em longo prazo, com grande potencial de retorno e ótimo custo-benefício. 

  1. Possibilidade de unir o e-commerce com loja física

Se o seu negócio também trabalha com vendas online é possível, com a vitrine digital, fazer a integração entre o que está sendo anunciado no site e no ponto de venda para que seja atualizado automaticamente.

  1. Maior alcance

A sinalização digital em espaços públicos vai atingir um público maior do que um vídeo publicado em redes sociais ou em sites corporativos.

A Arbitron realizou uma pesquisa que revelou que 70% dos norte-americanos já viram um vídeo exibido em uma mídia de digital signage. Em comparação, apenas 43% disse ter visto o mesmo conteúdo na internet. 

Gostaria de implantar a vitrine digital em seu estabelecimento?
A IFS é especialista em instalações de digital signage. Fale conosco.

Fonte: Inviron

Produção de conteúdo para painel de LED

painel de LED é um tipo de sinalização digital usado para diversas estratégias de publicidade e marketing, como a captação e fidelização de clientes, divulgação de produtos/ serviços, promoções, entretenimento do público etc.

Uma pesquisa feita pela Samsung, aponta que no Reino Unido 84% dos varejistas consideram que uma mídia de digital signage tem o poder de criar uma consciência de marca muito mais significativa para os consumidores. Isto é, implantar um tipo de sinalização digital, como  método de fortalecimento da marca com o público e o mercado, pode ser considerado uma ótima estratégia.

E, para se obter um resultado positivo na transmissão dos conteúdos, é fundamental entender as características do veículo.

Pensando nisso, elaboramos uma lista com dicas para a produção de conteúdo para painéis de LED. Confira:

1. Conheça o seu público

É de extrema importância realizar uma análise prévia do público que seu estabelecimento deseja atrair antes de começar a criar o conteúdo.

O que meu público gostaria de ver? Quais as necessidades dele? Quais os dias de maior movimento na empresa?

Essas são algumas perguntas que você precisa obter resposta antes de pensar na programação a ser exibida nos painéis de LED.

2. O conteúdo deve ser adequado ao tamanho do painel

A resolução do painel de LED é influenciada pela distância entre os pontos de LED – quanto maior o distanciamento entre eles, menor a resolução.

Portanto, para que o espectador entenda o conteúdo e seja impactado de modo certeiro – conforme a intenção da campanha-, as artes devem se adequar às dimensões dos painéis.

3. Preze por uma boa visualização

· Textos

Um erro típico, de empresas que utilizam painéis de LED, é não se atentar à distância que as telas ficarão em relação ao espectador.

Assim, acabam utilizando fontes pequenas ou muito grandes que impedem a compreensão do texto ou fontes que tendem a sumir devido à baixa resolução dos painéis, como o caso das letras finas ou, ainda, as serifadas.

Textos muito extensos também são erros comuns porque impedem a leitura completa, por causa da ausência de tempo hábil ao espectador.

· Cores

Pelo fato do painel de LED ter uma baixa resolução, a utilização de nuances de cores não será representada com exatidão, porque a quantidade de pixel do painel é insuficiente para expô-las integralmente. Desse modo, há uma grande probabilidade das nuances se tornarem apenas faixas coloridas. Nesse caso, o apropriado é que a arte contenha pouco ou nenhum degradê de cor.

Outro ponto importante é que a cor branca não pode ser 100% branco, porque o brilho do painel é muito intenso e sua exibição pode ofuscar a visão do espectador e, dependendo do local onde se encontra o painel, até causar acidentes. Alguns recursos, como o escurecimento do painel do sistema Inviron, ajudam a ajustar o brilho no decorrer do dia, mantendo seu painel sempre atrativo e não incomodando quem o vê.

Além disso, o brilho e o contraste também devem ser adaptados ao ambiente para que haja nitidez nas imagens e textos exibidos.

4. Adeque sua programação

O púbico costuma ser atraído pela novidade.

Por isso, opte por fazer um conteúdo exclusivo e diversificado que siga a identidade visual da empresa e atenda a demanda do público espectador.

Ordene sua grade de programação de acordo com o horário de funcionamento do estabelecimento para que a mensagem seja transmitida no momento ideal de passagem do consumidor lead.

Fonte: Inviron

Tem alguma dúvida? Entre em contato conosco.